Este blog é dedicado a todos os amantes da Natureza e ao público em geral. Mas principalmente aqueles que se interessam pelo fascinante mundo dos Lepidópteros (Borboletas). Além de tudo, este blog é um guia onde o leitor poderá conhecer e identificar as mais variadas espécies de borboletas existentes um pouco por todo o mundo.

domingo, 26 de abril de 2015

TRÁFICO DE BORBOLETAS


. Polícia de Palmeira apreende 1136 borboletas traficadas no estado do Paraná, Brasil.



. Uma denúncia anónima resultou na apreensão de 1136 borboletas na manhã do passado dia 27 de Março 2015, na Campestre de Vieiras, localidade de Palmeira, na região dos Campos Gerais do Paraná.
A operação foi feita pela Polícia Ambiental após a denúncia de que várias pessoas estavam a capturar e a comercializar insectos ilegalmente. Segundo o comandante da operação, os insectos seriam traficados para estados vizinhos. Junto com os insectos também foram apreendidas armas de fogo, munições e instrumentos de caça.
Ás 06:10h da manhã, com mandados de busca e apreensão, os polícias revistaram várias casas de Campestre Vieiras, e encontraram as borboletas que seriam traficadas em duas residências. Três pessoas foram presas por comercialização ilegal e posse de arma de fogo. Os insectos foram entregues pela delegacia de Palmeira ao Instituto de Criminalística, onde mais tarde serão utilizadas para futuros estudos.






TREZE MIL BORBOLETAS MORTAS NO PARQUE NACIONAL, EM SANTA CATARINA.


. Outro crime ambiental ocorreu no ano passado em 2014, no Parque Nacional (PARNA), na Serra do Itajaí, em Santa Catarina, com a apreensão de mais de 13 mil borboletas mortas. A operação denominada de "Caderno Vermelho" reuniu 27 agentes dos estados de Roraima, Distrito Federal, Espírito Santo, Rio Grande do Sul e Santa Catarina. Ao todo foram cumpridos oito mandados de busca e apreensão na região, e 5 pessoas foram autuadas. Estas pessoas foram responder por crime ambiental, além de pagar uma multa de no mínimo de R$ 500 reais por animal apreendido.

Este parque tem sido alvo constante de traficantes que o invadem para cometer crimes ambientais, capturando insectos e outros animais.



São notícias muito tristes! Em pleno século XXI o tráfico de espécies vivas e mortas ainda prevalece. Até quando, estes belos insectos e animais terão que pagar este preço por causa da sua beleza e exotismo...!?


Nota: (Lembro que o tráfico de borboletas, bem como a sua comercialização ilegal é crime ambiental, e configura na Lei 9605/98.

Neste caso, a pena para o crime ambiental é de um mês a 5 anos de prisão, mas pode triplicar devido á comercialização ilegal dos insectos).





domingo, 19 de abril de 2015

CYMBALOPHORA PUDICA - (Esper, 1784)



. Características: Esta bonita borboleta nocturna pertence á família Erebidae. O padrão de cor das suas asas é branco com manchas triangulares pretas. As asas posteriores são igualmente brancas ou levemente rosadas, com pequenas manchas pretas, que podem variar de tamanho ou quantidade de indivíduo para indivíduo. O seu abdómen possui um tom vermelho-rosado intenso, com faixas transversais negras, e o seu tórax possui um manto felpudo de pêlo. As fêmeas são idênticas aos machos, no entanto, estas são ligeiramente maiores, possuindo um tom de cor mais rosado e apresentando um maior número de manchas nas asas posteriores. A sua envergadura varia entre os 3,7 cm e os 4,3 cm de comprimento.



. Habitat: Habita em lugares quentes e secos como encostas rochosas, pradarias e pastagens. Distribuindo-se pelo Sul da Europa e Norte de África. 


. Período de voo: Voa desde Agosto até meados de Outubro, em duas gerações.










. Alimentação: A lagarta é muito peluda com pêlos pontiagudos de cor acastanhados ou acinzentados que saem de pequenas protuberâncias redondas e escuras que possui ao longo do corpo. Alimenta-se de pequenas herbáceas como; Dente-de-Leão (Taraxacum officinale), Plantago, Brachypodium, Festuca, entre outras. A lagarta hiberna num casulo de seda até meados de Maio, depois transforma-se em crisálida dentro do casulo no solo, onde permanecerá durante os meses quentes de Verão e só irá eclodir entre Agosto e Setembro.







. Observação importante: O número de manchas nas asas posteriores pode variar de indivíduo para indivíduo. Á noite são atraídas pela luz artificial.






domingo, 12 de abril de 2015

ARGYNNIS ADIPPE - (Denis & Schiffermuller, 1775)


. Características: Esta bonita borboleta de tamanho médio, pertence á família dos Ninfalídeos (Nymphalidae), e faz parte de um grande grupo de borboletas de padrões idênticos, com cerca de 25 espécies. As suas asas são de cor laranja, com pintas, faixas e nervuras transversais pretas. A face inferior possui manchas de cor branco-prateado nas asas posteriores. Esta manchas prateadas não existem em todos os indivíduos, ou seja, esta espécie possui duas variantes. No Norte e Nordeste da Europa é muito mais frequente a forma prateada, enquanto na do Sul é inexistente. Os machos possuem uma coloração mais viva que as fêmeas. A sua envergadura varia entre os 5,5 cm e os 6,5 cm de comprimento, sendo as fêmeas ligeiramente maiores que os machos.


. Habitat: Habita em clareiras de bosques, orlas de florestas, prados floridos, e em zonas montanhosas até aos 2000 metros de altitude. Em toda a Europa, Ásia e Japão.

. Período de voo: Voa desde Junho e Julho até meados de Agosto, numa geração.









. Alimentação: As lagartas podem apresentar coloração variável. Podendo apresentar um padrão axadrezado negro e branco, com vários espinhos de cor alaranjados, ou podem ser castanho-claras com várias barras de cor negra intercaladas entre os segmentos do corpo, e uma linha de cor branca longitudinalmente ao longo do dorso. Alimentam-se de várias espécies de violetas, como Viola canina, Viola hirta, Viola riviniana, Viola odorata ou Viola lactea. Na fase da metamorfose a crisálida fica suspensa de cabeça para baixo presa á vegetação do solo ou a pedras. A lagarta hiberna dentro do ovo antes de eclodir.






. Observação importante: Por vezes pode ser confundida com outras espécies semelhantes, entre as quais; Argynni niobe e a Argynni aglaja. Ao longo dos últimos anos o seu número tem vindo a diminuir drasticamente devido á destruição do seu habitat, principalmente na Grã-Bretanha onde se tem tornado rara, e onde os conservacionistas estão a trabalhar para salvá-la da extinção. Agora é uma espécie protegida na Inglaterra.


video






domingo, 5 de abril de 2015

KUALA LUMPUR BUTTERFLY PARK


. O Kuala Lumpur Butterfly Park é um grande borboletário existente dentro do parque e está localizado junto aos Jardins do Lago e do Kuala Lumpur Bird Park, na capital da Malásia.
Este espaço é uma atracção turística muito popular no país. Com uma área que abrange mais de 80.000 metros quadrados de jardim paisagístico, este espaço possui cerca de 5000 espécies vivas, entre as quais, um leque enorme de plantas exóticas e luxuriantes, centenas de espécies de borboletas nativas da região e outras exóticas fortemente ameaçadas no seu habitat natural, e que aqui se encontram protegidas e a voar livremente por este espaço paradisíaco.















. Sendo um dos maiores do mundo, o parque possui também um museu, uma área de exposição com informações sobre as variadas espécies de borboletas e outros insectos, e oferece ainda uma loja de lembranças para os visitantes e turistas no final do passeio, onde estes poderão adquirir uma vasta gama de produtos relacionados com os insectos.




















Um local mágico certamente a visitar pelos amantes das borboletas....!




video


. Para mais informações não deixe de visitar o link abaixo:



http://klbutterflypark.com/index.html