Este blog é dedicado a todos os amantes da Natureza e ao público em geral. Mas principalmente aqueles que se interessam pelo fascinante mundo dos Lepidópteros (Borboletas). Além de tudo, este blog é um guia onde o leitor poderá conhecer e identificar as mais variadas espécies de borboletas existentes um pouco por todo o mundo.

domingo, 18 de setembro de 2016

SPEYERIA DIANA - (Cramer, 1779)


. Características: Vulgarmente conhecida por "Fritilária-Diana" esta borboleta pertence á família dos Ninfalídeos (Nymphalidae). É uma espécie que possui dimorfismo sexual, ou seja, existem diferenças acentuadas entre os dois sexos, quer na forma, cor, ou padrão. Assim o macho possui asas de cor negro-acastanhado desde a base da margem interna até á zona central, e amarelo-alaranjado na restante área até ás extremidades das asas. A fêmea por outro lado, possui asas de cor negro-azulado desde a margem interna até á zona central, e três filas de pequenas manchas brancas que vão até ás extremidades das asas anteriores e se prolongam até ás posteriores, onde estas se tornam azuis, delineadas a negro, junto ás margens. A sua envergadura varia entre os 9 cm nos machos e os 11 cm nas fêmeas.


. Habitat: Zonas montanhosas, vales, clareiras e orlas de florestas, prados. Distribui-se pelo Sul e Leste da América do Norte.

. Período de voo: Voa de Junho a Setembro numa geração.
















Alimentação: As lagartas são negras cobertas por numerosos espinhos de cor laranja com pontas pretas. As lagartas quando eclodem dos ovos, enterram-se na terra e hibernam até ao ano seguinte. Alimentam-se de várias espécies de violetas (Violaceae). Na fase da metamorfose tecem um ponto de seda num ramo, folha ou pedra, pendurando-se de cabeça para baixo para se transformarem em crisálida.






. Observação importante: Além de se alimentar do néctar das flores, á borboleta também é atraída pelo estrume ou excremento dos animais, dos quais extrai os seus fluídos. Outrora mais abundante, o seu número tem vindo a diminuir devido á perda de habitat e uso de pesticidas utilizados para combater outras espécies. Em 28 de Fevereiro de 2007, o representante John Paul Wells do Condado de Logan, introduziu a legislação na Lei 156 da Assembleia Geral Arkansas, designando a "Fritilária-Diana" como um símbolo oficial do Estado, tanto pela beleza, importância educacional e impacto no turismo.

video






Sem comentários:

Enviar um comentário