Este blog é dedicado a todos os amantes da Natureza e ao público em geral. Mas principalmente aqueles que se interessam pelo fascinante mundo dos Lepidópteros (Borboletas). Além de tudo, este blog é um guia onde o leitor poderá conhecer e identificar as mais variadas espécies de borboletas existentes um pouco por todo o mundo.

domingo, 11 de agosto de 2013

THECLA BETULAE - (Linnaeus, 1758)


. Características: De aspecto inconfundível, este lepidóptero pertence á família dos Licenídeos (Lycaenidae), sendo o macho ligeiramente mais pequeno que a fêmea. A face superior das asas é castanho-escura, com manchas de cor laranja nas asas anteriores. estas manchas são pouco nítidas nos machos, ou então não existem. As asas posteriores possuem uma cauda curta, característica desta espécie e de outros licenídeos. A face inferior é de cor castanho-alaranjada, com duas linhas pretas e brancas subjacentes uma á outra. A sua envergadura varia entre os 4 cm e os 4,5 cm.


. Habitat: Orla de bosques, parques públicos, zonas ribeirinhas, onde cresçam abrunheiros-bravos, avelaneiras ou outros arbustos silvestres, até aos 1000 metros de altitude. Distribui-se pela Europa Central até aos Alpes. Também na Dinamarca, Sul da Escandinávia e da Finlândia, Norte de Itália, Balcãs e Europa Oriental. Na Europa Ocidental até aos Pirenéus, excepto na Península Ibérica. Apenas no Sul da Irlanda.

. Período de voo: De Julho a Setembro, numa geração.





. Alimentação: As lagartas são de cor verde tornando-se acastanhadas na fase adulta, cobertas por minúsculos pelos e com finas riscas mais claras transversais ao longo do dorso. Alimentam-se de abrunheiros-bravos, ameixoeiras e de vidoeiros.
A crisálida fica escondida entre a vegetação do solo, até emergir o insecto adulto.



. Observação importante: A borboleta põe cuidadosamente um ovo em cada folha da planta hospedeira, local onde virá a hibernar. Ao longo dos últimos anos tem-se tornado cada vez mais rara, tornando-se numa espécie em vias de extinção.



video





Sem comentários:

Enviar um comentário