Este blog é dedicado a todos os amantes da Natureza e ao público em geral. Mas principalmente aqueles que se interessam pelo fascinante mundo dos Lepidópteros (Borboletas). Além de tudo, este blog é um guia onde o leitor poderá conhecer e identificar as mais variadas espécies de borboletas existentes um pouco por todo o mundo.

domingo, 3 de fevereiro de 2013

POLYGONIA C ALBUM - (Linnaeus, 1758)



. Características: Esta borboleta de aspecto inconfundível, é comum no Norte e Centro de Portugal e pertence á família dos Ninfalídeos (Nynfalidae). Com uma envergadura de 4,5cm a 5 cm, as suas asas têm um recorte inconfundível. A face superior apresenta várias pintas negras e acastanhadas, dispersas sobre um fundo laranja. A face inferior é castanha-clara com manchas escuras e de aspecto jaspeado, tornando a sua aparência muito semelhante a uma folha seca quando está com as asas fechadas. Possui ainda um desenho em forma de "C" branco na face inferior das asas posteriores, que caracteriza esta espécie e lhe dá o nome vulgar que a define, Comma (que em inglês quer dizer, vírgula).



. Habitat: Está distribuída por toda a Europa, Ásia e Norte de África. Outrora muito frequente, nos últimos anos não se tem vindo a verificar a sua abundância. Contudo surge com maior frequência nos bosques. Também em prados com flores, clareiras, jardins, e na montanha até aos 2000 metros de altitude.


. Período de voo: De Março até Outubro, em duas gerações. Nas montanhas desenvolve apenas uma geração. No final do Verão a borboleta retira-se para um abrigo de Inverno onde hiberna.








Alimentação: A lagarta é de cor castanho-alaranjado raiada de preto, apresentando uma mancha branca nos últimos segmentos do corpo, na zona dorsal, que é coberta de espinhos. Alimenta-se principalmente de Urtigas, mas também de Aveleiras e Lúpulo. A crisálida fica suspensa de cabeça para baixo na planta hospedeira.












. Detalhe da marca em forma de "C" que caracteriza esta espécie.

. Observação importante: A primeira geração apresenta um colorido mais vivo que os indivíduos da segunda geração.




video





Sem comentários:

Enviar um comentário